• A palavra inerrante

    John MacArthur

    Editora Cultura Cristã

    "Os críticos da inerrância argumentam que essa doutrina é uma invenção do escolasticismo protestante do século 17, em que a razão superou a revelação – o que significa que essa não era a doutrina dos reformadores. Por exemplo, eles chamam atenção para o fato de Martinho Lutero nunca ter usado a palavra inerrância. Isso é verdade. O que ele disse é que as Escrituras jamais erram. Nem João Calvino usou essa palavra. Ele disse que a Bíblia deve ser recebida como se estivéssemos ouvindo suas palavras da boca de Deus. Os reformadores, apesar de não usarem a palavra inerrância, enunciaram de forma clara esse conceito (...). A defesa a respeito da inerrância fundamenta-se na confiança que a igreja tem na maneira como o próprio Jesus considerava e ensinava a Escritura. A plena probidade da Escritura Sagrada precisa ser defendida em cada geração contra toda e qualquer crítica. Esse é o caráter deste livro. Nós precisamos ouvir com atenção esta moderna defesa." RC Sproul
    Ler mais Ler menos
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 400
    Peso do arquivo 3.37MB
    Ano da publicação 2021
    Tradutores(as) Hélio Kirchheim, Markus Hediger

    Sinopse

    "Os críticos da inerrância argumentam que essa doutrina é uma invenção do escolasticismo protestante do século 17, em que a razão superou a revelação – o que significa que essa não era a doutrina dos reformadores. Por exemplo, eles chamam atenção para o fato de Martinho Lutero nunca ter usado a palavra inerrância. Isso é verdade. O que ele disse é que as Escrituras jamais erram. Nem João Calvino usou essa palavra. Ele disse que a Bíblia deve ser recebida como se estivéssemos ouvindo suas palavras da boca de Deus. Os reformadores, apesar de não usarem a palavra inerrância, enunciaram de forma clara esse conceito (...). A defesa a respeito da inerrância fundamenta-se na confiança que a igreja tem na maneira como o próprio Jesus considerava e ensinava a Escritura. A plena probidade da Escritura Sagrada precisa ser defendida em cada geração contra toda e qualquer crítica. Esse é o caráter deste livro. Nós precisamos ouvir com atenção esta moderna defesa." RC Sproul
    Ler mais Ler menos

    Ficha técnica

    • Autor(a) John MacArthur
    • Tradutor(a) Hélio Kirchheim, Markus Hediger
    • Gênero Teologia e Estudos da Religião
    • Editora Editora Cultura Cristã
    • Páginas 400
    • Ano 2021
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9786559890477
    • Peso do arquivo 3.37MB