• Antologia Pornográfica

    Glauco Mattoso

    Nova Fronteira

    Nesta 'Antologia pornográfica' reúnem-se os maiores momentos do porão clandestino, do quarto secreto, do escamoteado inferno da poesia em língua portuguesa. São quatro séculos de verve e de desvario, de irreverência e afirmação vital perpetrados contra a moral e os bons costumes, contra a crença e a sociedade, contra a ordem e o progresso, contra a reputação do próximo e a de si próprio. Do século XVII de Gregório de Mattos ao século XXI de Glauco Mattoso, espraiam-se neste livro os poemas mais escabrosos já escritos na nossa língua. Se alguns deles são famosíssimos, outros são de quase impossível localização, dispersos em manuscritos ou em exemplares únicos, salvos pela memória ou pela tradição oral (...). Com este tesouro de imoralidades, este sacrário de abominações, esta comédia de todos os preconceitos e de todos os desrespeitos, esperamos oferecer ao leitor uma salutar possibilidade de fuga da prisão infernal do politicamente correto em que nos encontramos, sob os auspícios dos mais irrepreensíveis monstros do nosso tempo. Tradutor e Organizador: Alexei Bueno Introdução, Glossário e Bibliografia: Alexei Bueno
    Ler mais Ler menos
    Oba, você já comprou esse livro! Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Você já possui este livro através da parceria Skeelo + {partner} Acesse o App e aproveite a leitura 😁
    Páginas 200
    Peso do arquivo 0.54MB
    Ano da publicação 2011

    Sinopse

    Nesta 'Antologia pornográfica' reúnem-se os maiores momentos do porão clandestino, do quarto secreto, do escamoteado inferno da poesia em língua portuguesa. São quatro séculos de verve e de desvario, de irreverência e afirmação vital perpetrados contra a moral e os bons costumes, contra a crença e a sociedade, contra a ordem e o progresso, contra a reputação do próximo e a de si próprio. Do século XVII de Gregório de Mattos ao século XXI de Glauco Mattoso, espraiam-se neste livro os poemas mais escabrosos já escritos na nossa língua. Se alguns deles são famosíssimos, outros são de quase impossível localização, dispersos em manuscritos ou em exemplares únicos, salvos pela memória ou pela tradição oral (...). Com este tesouro de imoralidades, este sacrário de abominações, esta comédia de todos os preconceitos e de todos os desrespeitos, esperamos oferecer ao leitor uma salutar possibilidade de fuga da prisão infernal do politicamente correto em que nos encontramos, sob os auspícios dos mais irrepreensíveis monstros do nosso tempo. Tradutor e Organizador: Alexei Bueno Introdução, Glossário e Bibliografia: Alexei Bueno
    Ler mais Ler menos

    Ficha técnica

    • Autor(a) Glauco Mattoso
    • Tradutor(a)
    • Gênero Literatura Mundial
    • Editora Nova Fronteira
    • Páginas 200
    • Ano 2011
    • Edição
    • Idioma Português
    • ISBN 9788520929216
    • Peso do arquivo 0.54MB